Saindo do Casulo

borboleta

Oi gente…

Faz um tempinho que não apareço por aqui, aconteceram tantas coisas que vou tentar resumir um cadinho para vocês!!!

Lembra que eu estava toda empolgada para querer morar sozinha? Separei imagens de decoração, de todos os ambientes e fiquei sonhando e mentalizando (O Segredo) pára que isso acontecesse… eeeee… aconteceu!

Claro, que não foi como as fotos que separei… rs… Afinal, quando resolvi mudar eu tinha somente minha cama e meu guarda roupas, rs… Ah e um sofá vermelho de dois lugares que minha mãe me deu…

E sabe de uma coisa, foi a melhor sensação do MUNDO!!! Como fiquei feliz, agora eu tenho meu cantinho… ❤

Me mudei em maio e agora, minha casa já tá quase completinha… na verdade meu apê é bem pequeno, mas tá ficando a minha cara e já é bem confortavel!

Minha cozinha, é uma cozinha gourmet e não coube o fogão de 4 bocas… rs, mas isso não foi o problema. Consegui adaptar um fogão de 2 bocas e ficou show de bola! Afinal, não sou nenhuma Master Chef. Por falar em cozinhar, descobri que sou ainda pior do que eu pensava na cozinha… ainda bem que não tenho fogão com forno, senão ia ser ainda mais humilhante… rs.

Mas em uma coisa eu estou ficando fera… em fazer tapioca! Ah são tantas receitas de recheio que, fala sério, é muito bom experimentar… Vou fazer um post sobre algumas recetinhas com a goma de tapioca que peguei na Net!!!

Essa mudança (literalmente) está sendo MARAVILHOSA e já não me imagino sem ter meu cantinho!

Outra coisa que surgiu com essa mudança, foi resgatar uma antiga profissão que eu havia deixado de lado por um tempo para me dedicar a administração. A Linfoterapia (Drenagem Linfática), sou formada em linfoterapia há mais de 10 anos e é uma das coisas que eu amo fazer, porém, como não tinha espaço e estava me dedicando mais a área administrativa, eu deixei um pouquinho de lado. Mas agora, estou atendendo novamente, e estou super feliz… Claro que minhas amigas também, afinal, quem não quer ficar gata e sem celulite para o verão?!Rs.

Então, estou trabalhando com a Drenagem Linfática e atendo com a Transformare Consultoria também… Consegui juntar as duas coisas que eu mais amo fazer e transformar isso em TRABALHO, não é demais?

Claro, que as coisas ainda vão demorar a se encaixar mas, praticando (O Segredo) e trabalhando duro, sei que tudo vai se encaixando…

E olhando para tras, não podia nem imaginar que estaria aqui hoje…. só tenho gratidão em meu coração! Deus, família e amigos(de verdade), me ajudaram muito a sair de um estágio quase deprê e tomar decisões em minha vida!

Eles foram muito importantes, mas como sempre, o primeiro passo que dá é você! No começo dá aquele frio na barriga, sabe. Mas depois vai tudo se encaixando… é incrível!!! 😀

Agora, tô querendo começar um novo projeto de emagrecimento… Quero seguir direitinho e conseguir colocar minha saúde em primeiro lugar na minha vida, no momento. Sabe quando você sente seu corpo implorando para você melhorar… além da estética, claro, é a minha saúde gritando: Como vai ser minha filha? As coisas não estão boas e pode só piorar entre nós!

…minha saúde gritando: Como vai ser minha filha? As coisas não estão boas e pode só piorar entre nós!…

Então, resolvi começar… ainda não sei direito como vou fazer, se vou postar, falar sobre… mas sei que já dei o primeiro passo que é aceitar que preciso mudar… Agora quero consultar um médico psiquiatra para entender aonde começou essa compulsão alimentar… tenho minhas suspeitas, mas sei que com a ajuda de um profissional será mais facil entender porque “desconto” tudo em comida… Tá feliz, come… Tá alegre, come… eu hein?! Rs…

E olha que sou capaz de passar um dia inteiro sem me alimentar (super errado), mas basta uma emoção, uma ansiedade… já era!

borboleta-metamorfose

Então… vou focar muito nisso… por isso não se assustem se eu começar a falar só de comida! KKK… sei que vou ter que reeducar minha alimentação, comer em tempos e porções menores e entender mais os alimentos que estou ingerindo…  claro que vou dividir algumas coisas, né?!

Bom gente, é isso ai!

Hoje vim falar um pouquinho disso, mas devagarinho a gente vai trocando figurinha como sempre, e vou contando mais novidades!!

Saindo do casulo e voando para o MUNDO!!!

Minha Alma possui asas….

Boa Noite!

Beijos no coração, da Lets. ❤

Varanda

Uma coisa que quero muito é uma varandinha, sacada, no meu apê.

Faço questão e não abro mão… quero deixá-la como um lugar especial para poder relaxar, meditar e esquecer da vida!

Separei algumas imagens que são do meu estilo!

Espero que inspirem vocês também, adoro dividir essas coisas…

Bom gente, este é o último post da série Montando meu Apê!

Espero que vocês tenham gostado, e se eu esqueci de algum cantinho, por favor me falem…

Ah eu ainda vou postar alguns itens decoração… coisas que me inspiram e que vou querer ter no Apê.

A gente vai se falando e trocando muitas figurinhas… beijocas da Let´s

Se quiser ver outros ambientes é só clicar AQUI.

1 2 3
54 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20

Reflexologia

Reflexologia

Uma das coisas que também me encantam em termos de ficar zen, querer o bem … é a  Reflexologia. É incrível como alguns pontos das mãos, orelhas e pés, podem mexer tanto com nosso organismo.

Essa é mais uma técnica que me aprofundei, e também falo com muito carinho pelo fato de trazer resultados ótimos e comprovados!

O QUE É REFLEXOLOGIA PODAL?

A reflexologia dos pés não pode ser considerada uma massagem básica. Por mais que a massagem promove benefícios como relaxamento e bem estar, a reflexologia é uma técnica que utiliza a pressão dos dedos em pontos específicos que estão conectados e correspondem a todas as partes do corpo.

O terapeuta realiza uma pressão que não chega a ser tão forte e nem tão suave. O cliente pode até sentir um incômodo, porém, a dor é suportável.

Imagine um mapa. Cada ponto nos pés representa uma área específica do corpo.

Quando o terapeuta realiza a pressão nestes pontos, tanto o cérebro quanto o sistema nervoso são estimulados e conseguem corrigir qualquer disfunção, fazendo com que o próprio organismo elimine as toxinas existentes.

reflexologia 82470b1163021a8cd1008909994fbef8

BENEFÍCIOS DA REFLEXOLOGIA PODAL

A reflexologia podal tem sua história e origem datada de mais de 4000 anos e é recomendada para as seguintes finalidades:

  • Estimular o sistema imunológico
  • Liberar as toxinas existentes
  • Aliviar a dor
  • Melhorar a circulação sanguínea
  • Promover relaxamento geral do corpo

BENEFÍCIOS DA REFLEXOLOGIA PODAL

A reflexologia podal possui muitos benefícios. Este tipo de terapia pode ser utilizado para tratar ou prevenir muitas doenças, observe algumas delas:

  • Problemas digestivos e intestinais (azia, má digestão, gastrite, úlcera no estômago, diarréia e prisão de ventre).
  • Enxaqueca
  • Tontura
  • Insônia
  • Gordura no fígado
  • Pedra na vesícula
  • Doença de Crohn
  • Hérnia de hiato
  • Gota
  • Dores musculares
  • Dores nas costas
  • Sinusite
  • Diversos tipos de infecções
  • Doenças respiratórias (bronquite e asma)
  • Câimbras
  • Espasmos musculares
  • Reumatismo
  • Tendinite
  • Estresse
  • Outros

CONTRAINDICAÇÕES

São poucas as contra indicações da reflexologia. Podemos destacar os seguintes cuidados:

  • Doenças cardiovasculares
  • Pessoas com doenças graves
  • Restrições médicas
  • Pessoas com pés machucados (feridas abertas)
  • Problemas graves de circulação sanguínea

CONTRAINDICAÇÕES DA REFLEXOLOGIA PODAL

As contraindicações da reflexologia se aplicam em casos de pessoas com diabetes que apresentem machucados nos pés, mulheres em gestação, pessoas que fazem uso do marcapasso, pessoas em processos de alergia na pele ou dermatite, pessoas que apresentam varizes expostas, trombose ou fraturas.

Em casos de pessoas com diabetes o tratamento se torna inviável devido aos coágulos de sangue que facilmente se criam nas veias do corpo do doente. Esses coágulos sanguíneos não devem ser deslocados, como propõe a reflexologia podal.

Na reflexologia podal estimula-se a circulação sanguínea para que todos os órgãos possam ser capazes de receber os nutrientes presentes no sangue, e, para que ocorra a liberação de toxinas, o que no caso de diabéticos não seria o recomendado.

INDICAÇÕES DA REFLEXOLOGIA PODAL

A reflexologia podal possui diversos benefícios e é indicada para pessoas estressadas, tensas, nervosas, com problemas de circulação sanguínea, problemas hormonais, diversos tipos de dores e desequilíbrio do sistema.

O estresse é a maior causa de doenças cardíacas, enxaqueca, dores musculares, nervosismo e depressão. Quando o estresse é tratado, o corpo se livra desses sintomas sem a necessidade de remédios químicos que só mascaram o problema e nos tornam dependentes.

Entre outras indicações comuns temos:

  • Prisão de ventre
  • Alteração da pressão arterial
  • Constipação
  • Dor na coluna
  • Labirintite
  • Inchaço nas pernas
  • Cálculos renais
  • Asma
  • Hipertensão
  • Colesterol
  • Tireóide
  • Inflamação
  • Equilíbrio de cálcio

CONCLUSÃO

Como já bem falamos, conhecer e entender as indicações e contraindicações da reflexologia é um cuidado especial que você deve ter para garantir e receber os diversos benefícios que a reflexologia podal pode proporcionar, não correndo nenhum risco de saúde, desde que você também receba a técnica de um profissional experiente e especializado na técnica.

Fonte: http://www.dicasdemassagem.com.br/o-que-e-reflexologia-podal#ixzz3O2gDqmWy

É uma técnica maravilhosa e vale muito a pensa experimentar!

Olha que legal esse mapa da mão… Ele mostra direitinho os ponto que representam os órgãos do seu corpo! Muito legal… e apaixonante!!!

reflexologiaEspero que tenham gostado!

Até a próxima! 🙂

 

Dança do Ventre

Hi,

Gente, resolvi dar um up na minha mudança radical… vou voltar a fazer a dança do ventre!

Estou muito decidida em mudar radicalmente, mas confesso que estou tendo alguns momentos meio que deprê!

Por conta disso, resolvi, tirar as roupinhas do armário e voltar com uma das coisas preferidas que adoro fazer…Dança do Ventre!

Gente, a dança é maravilhosa, além de ser um exercício que você faz sem perceber… mexe com músculos que você nem sabia que existia…

10665246_4733521594120_2176711896110968823_n

Tô fazendo um diário secreto, e assim que conseguir atingir a primeira meta, eu posto para vocês!

Mas, aceito todo tipo de dicas e comentários, além das trocas de figurinhas… para não perder no caminho…

Então, além da dança do ventre, vou voltar com a Yoga e a Zumba!

Além do treino de 8 semanas, que já falei com vocês!

Vou separar algumas músicas da dança do ventre, caso vocês animem ai, essa semana eu coloco na página Eu indico!

Beijo grande lindezas!!!

E uma ótima semana!

🙂

Alguns tipos de Terapias Alternativas

Você sabia que algumas terapias, aliviam dores, combatem o Stress, ajudam a emagrecer…

download sd-acupuntura-auricular-obesidade-900x600

Acupuntura

A Acupuntura é uma terapia oriental chinesa que consiste no estímulo de pontos espalhados pelo corpo, chamados de “Pontos de Acupuntura” ou “Acupontos”. Essa técnica ajuda a combater enxaqueca, cólica, fibromialgia, estresse, e auxilia, até mesmo (!), no emagrecimento

53cbce51944ca

Shiatsu

O Shiatsu é um método terapêutico milenar que visa restabelecer a saúde através do toque. A técnica consiste em pressionar, com as mãos e dedos, os pontos vitais do corpo, chamados de meridianos. O Shiatsu pode ter diversas aplicações que vão desde dificuldades de evacuação, controle da TPM até mesmo na prevenção de gripes e pneumonia.

download (1)

Aromaterapia

A aromaterapia é um ramo da fitoterapia que utiliza óleos de plantas para o tratamento de desequilíbrios emocionais. Ela se baseia no efeito psicológico que os aromas produzem nas pessoas. A técnica auxilia no controle do estresse, tratamento de dores e desequilíbrios emocionais

musicoterapia

Musicoterapia

Muitas pesquisas comprovam que a música, além de alegrar e relaxar, também possui propriedades terapêuticas. Daí surgiu a Musicoterapia que utiliza as propriedades do som com fins terapêuticos. A técnica pode ajudar as pessoas a se comunicar e melhorar seus relacionamentos, e também ajuda a aliviar sintomas causados por doenças. Saiba mais sobre o poder terapêutico dos sons.

fc657962dfd3ac7740e009930cf17718

Yoga

Yoga é uma prática de meditação que associa o bem-estar mental ao condicionamento físico. O método traz benefícios como reajuste postural e melhora na qualidade do sono, combate a insônia e ameniza problemas circulatórios e de memória.

1345297762_429975252_1-Drenagem-Linfatica-Manual-Morumbi

Além dessas Terapias alternativas, temos a Massagem que é sempre Maravilhosa e a Drenangem Linfática que eu sou suspeita para falar… sou APAIXONADA  e já fiz um Post só para ela! Veja Aqui!

Bom gente… agora é só relaxar…

Terapia Alternativa é o  melhor presente que você poderá dar a você mesma! Pode acreditar!

Namas tê!

Hatha Yoga <3

fc657962dfd3ac7740e009930cf17718

Gente, tudo bem?

Eu simplesmente amoo Yoga e a Hatha Yoga já fez parte da minha vida!

Há um tempinho atrás eu pratiquei essa modalidade de Yoga e me ajudou muito

Eu morava no Rio e era muito novinha com muitas coisas acontecendo… Trabalho novo, faculdade, namorado… uma mistura de sensações. E aí descobri a Hatha Yoga, além de dar um condicionamento incrível, ela me ajudou na respiração, na ansiedade, em cólicas que eu tinha muito, além da flexibilidade que a gente vai conseguindo conforme as aulas.

O equilíbrio é notável e a sensação é maravilhosa.

Estou voltando a fazer, na verdade comecei essa semana. Estou fazendo duas vezes na semana.

Para começar, é necessário que você faça algumas aulas, depois você consegue fazer a Hatha Yoga sozinho todos os dias.

Primeiro você precisa entender o que é a Hatha Yoga

Hatha: Ha significa sol e é representado pelo sol do seu corpo, a sua alma. Tha significa lua, que representa a sua consciência, a sua mente. Então o Hatha Yoga é a busca do equilíbrio entre as forças solar e lunar, respectivamente masculina e feminina. Isto é conseguido através da união da mente com a alma.

images

Uma das características do Hatha Yoga é a plena atenção na ação. Ou seja, se você está fazendo um asana (postura física) deve estar totalmente presente em todas as fases, que são: entrada, permanência e saída. Se você está praticando um pranayama (exercício respiratório) deve-se estar com plena atenção à respiração.

Hatha Yoga é uma linha muito centrada no trabalho de corpo, dá-se muita atenção ao correto alinhamento corporal durante o asana. Com o alinhamento quebram-se padrões corporais, que quebram padrões emocionais, que quebram padrões comportamentais. Todas essas quebras de padrões se dão porque se o corpo físico está alinhado com precisão, nossa respiração está alinhada com a mesma precisão, então a mente, as emoções e os sentidos entram em equilíbrio. A medida que o praticante de Hatha Yoga progride, ele se torna consciente de como os sentidos, a mente e a respiração devem ser utilizados para alinhar o corpo. Quer entender melhor? É bem simples, o objetivo é fazer o asana com o máximo de inteligência e amor. Traga a inteligência da tua mente até a energia do teu coração e deixe que a união dos dois te guie.

Não existe uma idade certa para se começar, crianças podem e devem praticar (existem instrutores especializados em dar aulas para pequenos). Qualquer um pode fazer Hatha Yoga, não importa a idade ou sexo.Qualquer um pode fazer Hatha Yoga, não importa a idade ou sexo. Não existe uma linha melhor ou pior, existe sim a linha na qual você se sente bem praticando – então é essa que você deve escolher. Mas é bom frisar que Hatha Yoga é uma atividade física, por isso consulte seu médico de confiança e peça um check-up antes de iniciar. Lembre-se: qualquer coisa que você esteja sentindo deve ser comunicada ao seu instrutor, para que ele adeque os asanas.

POSTURAS E MEDITAÇÃO

8e837c64a55d3604a6a11bdeaa2c6f1a

Já que você tem interesse pelo tema, vale saber mais sobre Tirumalai Krishnamacharya, que, de acordo com alguns estudiosos, influenciou ou talvez até tenha inventado o yoga que praticamos.Krishnamacharya foi pioneiro em refinar posturas, otimizar a forma de colocá-las em sequência e em conferir valor terapêutico a asanas específicos. Ao combinar pranayama e asana, fez das posturas parte integrante do processo de meditação, ao invés de simplesmente um passo em sua direção. Vê-se sua influência, mais claramente, na ênfase que é dada a prática dos asanas – que hoje em dia é a marca da prática de yoga.

Foi Krishnamacharya quem transformou o Hatha Yoga, que antes era uma tendência obscura e estagnada do yoga, em sua corrente central. Seus quatro discípulos mais famosos são: Jois, Iyengar, Indra Devi e o filho dele T.K.V. Desikachar, que desempenharam um grande papel na popularização do yoga no ocidente.

As aulas são estruturadas da seguinte forma:

1 – Pranayamas (exercícios respiratórios)
2 – Asanas (posturas psicofísicas)
3 – Yoga nidra (relaxamento)
4 – Técnicas de Dharana (concentração) que evoluem para Dhyana (meditação

Agora, entenda melhor sobre as escolas de Hatha Yoga mais divulgadas no ocidente. Experimente as linhas e pratique a que mais gostar:

ANUSURA YOGA

Significa fluir com graça ou seguir o coração. Foi criada no ano de 1997 pelo norte-americano Johhn Friend. Une a filosofia tântrica, ancorada na valorização do bem, com princípios de alinhamento postural e meditações. Anusara prega a busca por harmonia e alegria, integradas ao fluxo da vida.

ASTHANGA VINYASA YOGA

Yoga de oito membros, refere-se ao caminho de oito passos traçado pelo sábio Patanjali. É uma forma antiga e tradicional de yoga, acredita-se que teve sua origem nos textos ancestrais Yoga Korunta de Vamana Rishi. Diferencia-se das demais técnicas por ter uma sequência fixa de movimentos que devem ser executados de maneira bastante dinâmica. Nessa prática as posturas são executadas em sincronia com uma forte respiração. Foi desenvolvido por Sri Krishnamacharya e disseminado por Sri K. Patabhi Jois no início do século passado.

BIKRAM YOGA

É uma série de 26 asanas (posturas corporais) e dois exercícios respiratórios feitos por 90 minutos em uma sala aquecida a 40o centígrados. Foi criada em 1946 por Bikram Choudhury. O objetivo é aquecer os músculos rapidamente e promover a desintoxicação via suor.

YOGA INTEGRAL

Criada pelo mestre Sri Aurobindo em 1914. Objetiva o autoaperfeiçoamento do ser em todas as dimensões: física, emocional, mental e espiritual. Busca desenvolver as potencialidades latentes de cada um. É uma prática gentil, que integra Hatha Yoga com outros ramos, como Karma Yoga (prática da ação comunitária) e Bhakit Yoga (devoção), além de enfatizar a união com Deus.

IYENGAR YOGA

Foi criada em 1938 por B.K.S. Iyengar. Focaliza-se particularmente nos seguintes aspectos: alinhamento correto do asana, concentração nas ações internas e permanência. O corpo torna-se harmonioso de acordo com a anatomia perfeita. Instrui e corrige com precisão cada postura, com o objetivo de desenvolver a consciência das diferentes partes do corpo e de melhorar o fluxo de energia através do alinhamento. São utilizados recursos como cintos, blocos, cadeiras e almofadas durante a prática, que ajudam o aluno a esclarecer os processos dos movimentos.

POWER YOGA

Baseado nos estilos de Iyengar e Patabhi Jois – Ashtanga Vinyasa Yoga – dá ênfase aos asanas que requerem força e resistência. Sua criação é atribuída a Beryl Bender Birc, que adaptou os estilos acima citados em uma prática vigorosa, encadeada por fluxos dinâmicos sincronizados com a respiração.

VINIYOGA

Foi criado por T.K.V. Desikachar, nascido em 1938, discípulo e filho de Krishnamacharya. Este método enfatiza as necessidades individuais do aluno, dá ao praticante as ferramentas para atualizar o processo de autodescoberta e transformação.

VINYASA YOGA

Deriva do ashtanga vinyasa yoga. Tem grande ênfase na sincronia do movimento com a respiração – as sequências de asanas são fluidas e coordenadas com a respiração. As práticas podem ser vigorosas ou meditativas.

SIVANANDA YOGA

Criada por swami Vishnudevananda, discípulo de Swami Sivananda – Devananda. O sistema de formação Sivananda visa manter a vitalidade do corpo, retardar o processo de deterioração e diminuir as chances de doença, pelo simples e natural cultivar o corpo. As filosofias do sistema estão resumidas em cinco princípios: Respiração adequada (pranayama), asanas (exercíos), savasana (relaxamento), dieta vegetariana, pensamento positivo e meditação (vedanta e dhyana). A prática objetiva a espiritualidade e enfatiza a filosofia do vedanta. Além de recitar mantras, incorpora técnicas de todos os caminhos do yoga: karma, bakhit, raja e janana yoga. É focada em 12 posturas básicas e inclui pranayama intenso.

Fonte: personare.com

c4dc1e8013f902be8acd25e9d762e316

Algumas Posturas para você praticar…

1ef94e6657a3aedcd7f09bfa0380ee98

Aprenda a usar seu subconsciente a seu favor

Como vocês já sabem, estou buscando o equilíbrio e tentando fazer isso sem precisar me isolar…

As mensagens aqui no Blog estão me ajudando bastante e poder dividir com vocês esses ensinamentos que pratico. está sendo uma experiência fantástica que nunca havia pensando em fazer, e que está sendo maravilhoso!

Abaixo estão os conceitos do  Dr Joseph Murphy, publicados no seu livro – O poder do subconsciente.

Fiz um breve resumo para facilitar uma leitura diária. Espero que gostem.

f969228733974de76e3c92b033459606

Os conceitos 4 e 6  são os meus favoritos!

1 – Pense no bem e o bem te seguirá. Pense no mal e o mal te seguirá. Você é aquilo que pensa no decorrer de todos os seus dias.

2 – O seu subconsciente nunca discute com você se está correto ou não! Ele apenas aceita o que sua mente consciente determinar.

3 – Você sempre tem o poder de escolher o bem ou o mal. Você pode escolher cordialidade ou preferir ser antipático. Escolha saúde, felicidade, ser prestativo, alegre, cordial e simpático, que todo mundo lhe corresponderá!

4 – A sua mente consciente é a sentinela no portão e tem como principal função proteger o subconsciente das impressões falsas. Procure acreditar que algo de bom vai acontecer e está acontecendo agora mesmo, neste exato momento! O seu maior poder é a sua capacidade de escolha, por isso escola tudo que faça sentir bem!

5 – As sugestões e afirmações dos outros não tem qualquer poder para prejudicá-lo. O único poder é a ação do seu próprio pensamento em relação a isso e como reagirá.

6 – Tome cuidado com o que você diz! Você terá que prestar contas por cada palavra irresponsável. Nunca diga: “Vou fracassar”. O seu subconsciente não sabe identificar se isso é uma piada ou realidade. Ele simplesmente faz com que todas essas coisas se tornem verdades.

7 – A sua mente não é voltada para o mal. E nenhuma força da natureza é! Tudo depende de como você usa os poderes da natureza.

8 – Nunca diga que você não pode fazer determinada coisa. Supere o seu medo, substituindo-o pela seguinte afirmação: “Posso fazer todas as coisas através do poder da minha mente subconsciente”.

9 – Você é capitão da sua alma (subconsciente), é o senhor do seu destino! Lembre-se: Você tem capacidade de escolher, escolha a felicidade!

10 – O que quer que a sua mente consciente acredite ser verdade, o seu subconsciente aceitará e fará com que se transforme em verdade mesmo!

ACREDITE NAS BENÇÃOS DA VIDA!

Tenha uma excelente semana!

 

O que são os Chakras?

Olá, tudo bem?

Adoro tudo que é Zen, e faz bem… por isso gosto de pesquisar sobre tudo que traz um equilíbrio interior.

E não custa nada né? A gente faz se a gente quiser…

Resolvi dividir com vocês, minha pesquisa mais recente: O que são os chakras?

images

Chakras são centros de energia, situados na metade do corpo. Há sete deles, que governam nossas propriedades psicológicas. Os chakras situados na parte mais inferior de nosso corpo são nosso lado instintivo, os mais elevados no nosso lado mental.

Os chakras podem ter vários níveis de atividade. Quando estão “abertos”, estão considerados operantes em uma forma normal.

Idealmente, todos os chakras contribuiriam a nosso ser. Nossos instintos trabalhariam junto com os nosso sentimentos e pensar. Entretanto, este não é geralmente o caso. Alguns chakras não estão abertos bastante (sendo sob-ativo), e para compensar, outros chakras são sobre-ativos. O estado ideal é onde os chakras são equilibrados.

Existem muitas técnicas para balancear os chakras. Na maior parte as técnicas para abrir chakras são usadas. Não faz sentido tentar fazer chakras sobre-ativos sobre os sob-ativos, porque estão compensando para outros chakras. Para restaurar a compensação não seriam sobre-ativos. Para equlibrar os chakras que estão compensando, estes devem ser abertos.

1. Chakra Raiz

O Chakra da Raiz é sobre ser fisicamente lá, e o sentimento em repouso nas situações. Se estiver aberto, você sente aterrado, estável e seguro. Você não desconfia desnecessariamente das pessoas. Você se sente atual no aqui e agora e conectado a seu corpo físico. Você sente ter território suficiente.

Se você tender a ser medroso ou nervoso, seu Chakra da Raiz é provavelmente sob-ativo. Você não se sentiria facilmente bem-vindo.

Se este chakra for sobre-ativo, você pode ser muito materialista e ganancioso. Você provavelmente é obsessivo em ser seguro e resiste a mudança.

2. Chakra Sacral

O Chakra Sacral é sobre o sentimento e a sexualidade. Quando está aberto, seus sentimentos fluem livremente, e se expressam sem você perceber que é sobre-emocional. Você está aberto à intimidade e você pode ser passional e vívido. Você não tem nenhum problema em tratar de sua sexualidade.

Se você tender a ser duro e frio ou a ser indiferente, o Chakra Sacral é sob-ativo. Você não está muito aberto às pessoas.

Se este chakra for sobre-ativo, você tende a ser emocional toda a hora. Você se sentirá emocionalmente unido às pessoas e você pode ser muito sexualmente ativo.

O que são chakras e suas propriedades psicológicas.

3. Chakra Umbigo

O Chakra Umbigo é sobre afirmar-se em um grupo. Quando está aberto, você se sente no controle e você tem suficiente auto-estima.

Quando o Chakra Umbigo é sob-ativo, você tende a ser passivo e indecisivo. Você é provavelmente tímido e não tem o que você quer.

Se este chakra for sobre-ativo, você dominativo e provavelmente até mesmo agressivo.

4. Chakra Coração

O Chakra do Coração é sobre o amor, a bondade e a afeição. Quando está aberto, você é piedoso e amigável, e você trabalha em relacionamentos harmoniosos.

Quando seu Chakra do Coração é sob-ativo, você é frio e distante.

Se este chakra for sobre-ativo, você está sufocando as pessoas com seu amor e este provavelmente tem razões completamente egoístas.

5. Chakra Garganta

O Chakra da Garganta é sobre a auto-expressão e falar. Quando está aberto, você não tem nenhum problema expressar-se, e você pode se passar por um modo artístico.

Quando este chakra está sob-ativo, você tende a não falar muito, e você é provavelmente introvertido e tímido. Contar mentiras pode bloquear este chakra.

Se este chakra for sobre-ativo, você tende a falar demasiadamente, geralmente domina as pessoas e as mantêm em distância. Você é um mau ouvinte se este for o caso.

6. Chakra Terceiro Olho

O Chakra do Terceiro Olho é sobre a introspecção e o visualisação. Quando está aberto, você tem uma boa intuição. Você tende a fantasiar.

Se for sob-ativo, você não é muito bom em pensar em você mesmo, e você pode tender a confiar em autoridades. Você pode ser rígido em seu pensar, confiando em demasiadas opiniões. Você pode ser confundido facilmente.

Se este chakra for sobre-ativo, você pode viver em um mundo de fantasia. Em casos excessivos alucinações são possíveis.

7. Chakra Coroa

O Chakra da Coroa é sobre a sabedoria e ser um com o mundo. Quando este chakra está aberto, você é desprejudicado e completamente ciente do mundo e de você mesmo.

Se for sob-ativo, você não está muito ciente da espiritualidade. Você provavelmente, é completamente rígido em seu pensar.

Se este chakra for sobre-ativo, você intelectualiza coisas demais. Você pode ser viciado em temas espirituais e está ignorando suas necessidades corporais.

Há umas emoções e uns estados que possam se fechar abaixo chakras, se não forem processados adequadamente.

1. Chakra Raiz – Medo O direito de estar aqui

2. Chakra Sacral – Culpa O direito de sentir

3. Chakra Umbigo – Vergonha O direito de agir

4. Chakra do Coração – Tristeza O direito de amar e ser amado

5. Chakra da Garganta – Mentiras O direito de falar e ouvir a verdade

6. Chakra do Terceiro Olho – Ilusão O direito de ver

7. Chakra da Coroa – Conexão O direito de saber

Achei uma página na Net, interessantíssima, aonde você poderá fazer um TESTE CHAKRAS, para verificar se seus canais estão abertos e ou fechados.

Esta mesma página ensina como abrir seus chakras! Muitooo Legal…

chakras_resumo

Depois me conta?!

Vou adorar saber!!!

Exercícios para controlara Ansiedade e o Medo.

Olá, hoje estou bem Zen, não é?

Mas pensei que nesse tempinho de frio e também com o final de semana, seria legal dar uma equilibrada em nossas emoções, que tal?

Como falei, em algum post atrás, todo ano eu tirava uma época para poder achar um equilíbrio interior, mas para isso eu me afastava alguns meses de amigos, parentes, para poder me concentrar apenas neste equilíbrio. Hoje, aprendi que não é necessário se afastar para fazer isso, e aos poucos estou aplicando alguns exercícios que consigo fazer nos 20 minutinhos que tiro para mim diariamente.

Recentemente descobri que a ansiedade está ligada ao medo, claro, faz sentido, porém a gente nunca pára e fica pensando nisso, não é verdade? A gente sempre diz como está ansiosa, coloca toda culpa na ansiedade e pronto!

Porém, se você analisar bem, a ansiedade só foi causada por consequência de um medo!

E se a gente sabe qual medo se trata, não seria bom resolvê-lo?

Partindo desse princípio, estou combatendo alguns medos com exercícios, vou dividir com vocês!

Espero que gostem!!!

Estes exercícios, devem ser feitos todos os dias. E no caso de pânico, devem ser feitos de 30 á 40 minutos, explica a Doutora Evelyn Vinocur em http://www.minhavida.com.br/saude/materias/12562-passo-a-passo-para-voce-enfrentar-o-medo.

EXERCÍCIO PASSO A PASSO

EXERCÍCIO: Sentado em uma poltrona ou cadeira, a primeira coisa que deve ser aprendida é uma técnica de controle da respiração que será usada sempre nas seguintes situações:
1- quando você estiver tendo um ataque de pânico; ao perceber que o ataque está se iniciando e ganhando corpo, você imediatamente procurará respirar de forma que será descrita logo abaixo:
2- entre cada um dos exercícios que irei mencionar.

Aprendendo a respirar

Após realizar cada um dos exercícios, você deverá inspirar o ar pelo nariz, devagar, realizando a respiração abdominal, isto é, o ar vai para a barriga e não para o tórax. E vai soltar o ar mais lentamente ainda pela boca. O ideal é você inspirar em 3 tempos e soltar o ar em 3 tempos também, isto é, contando até três. Não utilize grande quantidade de ar. Apenas respire devagar e lentamente. Suavemente. Se achar melhor, espalme a mão sobre o abdome e observe-a como se movem. São elas, e não o seu tórax, juntamente com o seu abdome, que devem se mover para a frente. Essa técnica é muito importante de ser aprendida porque, durante uma crise de pânico, a pessoa sente falta de ar e respira de uma forma mais rápida e profunda. Esse fenômeno é conhecido como Hiperventilação e leva a um desequilíbrio ente as quantidades de oxigênio e gás carbônico dentro do organismo. Ao hiperventilar, a pessoa faz com que ocorra uma diminuição do gás carbônico e um aumento relativo do oxigênio, e essa alteração química gera sintomas como tontura, sensação de desmaio, estranheza e formigamento nos membros. Essa técnica do controle da respiração é bem conhecida há mais de 10 anos. Se você puder controlar a sua respiração, terá metade dos sintomas do pânico sob controle. Depois que aprender a respirar, você pode iniciar os exercícios de exposição interoceptiva que estão explicados abaixo:

EXERCÍCIO I:

Sentar em uma cadeira e balançar a cabeça de um lado a outro, como se tivesse expressando um NÂO. Procure fazer um giro amplo de cabeça e mantenha os olhos SEMPRE abertos. Duração do exercício: 30 segundos. A seguir, inicie imediatamente o controle da respiração até que a tontura passe. E vá para o outro segundo exercício.

EXERCÍCIO II:

Sentado na cadeira, incline o tronco para a frente e os braços para baixo. Deixe que suas mãos toquem o chão. Permaneça nessa posição por 30 segundos e erga rapidamente o tronco retornando à posição original. Faça o controle da respiração até que volte a se sentir bem. Poucas pessoas sentem mais que uma discreta vertigem nesse exercício.

EXERCÍCIO III:

Fique de pé e corra parado no mesmo lugar, acelerado, por 1 minuto. Ou então, suba e desça um lance de escada (sem correr) por três ou quatro minutos. Seja qual for o exercício escolhido o importante é que ele produza algum grau de taquicardia e falta de ar. Caso contrário, aumente o tempo ou faça mais intensamente. Retorne ao controle da respiração e não se preocupe se tiver mais dificuldade para obter o controle. Lembre-se que você se exercitou e está com falta de ar. Aos poucos, seu ritmo respiratório voltará ao normal bem como as batidas do seu coração.

EXERCÍCIO IV:

Coloque uma cadeira no centro da sala. Caminhe rapidamente ou corra ao seu redor, num movimento circular. Por 1 minuto e a seguir, sente-se na cadeira. O exercício deverá provocar uma tontura giratória. Controle a respiração até que o desconforto passe.

EXERCÍCIO V:

Sentar na cadeira, respirando rápida e profundamente, com a boca aberta e usando o tórax durante 30 segundos. Esse exercício é o de hiperventilação e deverá provocar estranheza, tontura e formigamento nas mãos. Se não ocorrer nenhum sintoma, aumente o tempo para 1 minuto ou respire mais rápido e com maior profundidade. Controle a respiração, logo a seguir. Repita essa série de exercícios mais duas vezes.

Não pode fazer um exercício de manhã, dois à tarde e um à noite. Os exercícios são encadeados uns com os outros. Além disso, é importante o tempo total de exposição e a ansiedade desencadeada durante esse tempo.

Faça um diário dos exercícios. Anotando a ansiedade que sentiu com os exercícios atribuindo notas de 0 a 10 a cada um deles: 0=ausente 1,2,3=leve 4,5,6=moderada 7,8,9=intensa 10=pânico.

Anote no caderno a data, os exercícios que foram feitos e a ansiedade experimentada antes e logo depois de cada exercício.

Repetindo: se os exercícios não estiverem produzindo nenhuma ansiedade ou desconforto, sua intensidade e duração deverão ser aumentadas ou outros exercícios poderão ser acrescentados:
a- girar ao redor do próprio corpo (brincar de bêbado).
b- Prender a respiração por 30 segundos
c- Respirar através de um canudo por 2 minutos.
d- Olhar fixamente para a claridade do dia ou para uma luz forte por um minuto e a seguir ler.

Caso algum exercício gere efeitos muito ruins, diminua a intensidade e velocidade. Mas não deixe de fazê-lo. Esquivar-se é a contramão do tratamento.

Procure fazer os exercícios diariamente compare as notas que são dadas à – ansiedade em cada um deles. Observe se ocorrem mudanças. Observe também se a freqüência e a intensidade dos ataques diminuíram.

Ao final de 10 semanas é de se esperar que tenha havido uma diminuição na freqüência e intensidade dos ataques ou mesmo sua extinção. O que não significa que você esteja curado e sim que tem os sintomas sob controle.

A grande vantagem que existe em se fazer a exposição é que é você quem adquire o instrumento que o torna capaz de controlar as suas crises.

Agora para controlar a tal ansiedade, separei umas dicas bem legais:

  • Mude sua atitude em relação ao problema. Tente informar-se sobre o que está causando a ansiedade.
  • Respeite suas limitações e, quando for preciso, peça ajuda.
  • Respire fundo e calmamente. Feche os olhos, imagine-se numa praia e imagine um mar com ondas cada vez mais lentas.
  • Mantenha pensamentos positivos e evite situações que remetam a pensamentos negativos ou autodestrutivos.
  • Valorize e viva o presente. Se a ansiedade é causada pelo passado, nada poderá ser feito para mudá-lo e, se for relacionada ao futuro, poderá te impedir de viver o presente.
  • Identifique o que causa ansiedade ou tristeza e mantenha-os longe.
  • Dedique-se a alguma atividade no tempo presente e mantenha sua mente focada neste objetivo, evite distrações e, principalmente, as situações que podem causar ansiedade.

Este site, tem alguns exercícios bem legais de relaxamento!

Olha que legal!

Exercícios de distração e relaxamento psicológico

     Os exercícios de distração e relaxamento são utilizados e ensinados por psicólogos, psiquiatras e terapeutas em geral como formas de aliviar e tratar sintomas de ansiedade, depressão, pânico, traumas, fobias e inúmeros outros.

    Exercícios devem ser praticados no meio da crise, por exemplo, durante o ataque de pânico ou quando se estiver lembrando (revivendo) um trauma.

    O principio básico desses exercícios é controlar os pensamentos sintomáticos que são a causa do aparecimento dos transtornos. Por serem eficientes e fáceis de aplicar eles são comumente ensinados em livros de autoajuda e por espiritualistas, então não estranhe se já tiver ouvido falar em alguns deles:

 Exercícios de distração ou jogos mentais

Contagem regressiva: consiste em contar de maneira regressiva (de traz para frente) mentalmente os números a partir de 100 ex: 99, 98, 97… até chegar ao numero um. Uma variação é saltar os números de dez em dez (100, 90, 80…) ou cinco e cinco. Para tornar o exercício mais eficaz pode acrescentar autossugestões nos últimos números:
7… Estou retomando o controle ,
6… estou bem mais calmo agora.
5… A ansiedade e nervosismo estão desaparecendo
4… Sinto todos os meus músculos relaxados
3… A tranquilidade e a paz estão invadindo a minha mente
2… Sinto o meu coração batendo suave e calmamente
1… Nesse momento estou me sentindo calmo e relaxado

Descrição: é basicamente descrever algo ou algum ambiente com riqueza de detalhes, lembrando-se de cores, formas, material de que é feito, textura etc. como disse pode se resumir a um objeto, assim que ele for totalmente descrito passa-se para outro até que a crise tenha passado.

Soletrar: falar mentalmente as letras do nome de alguma pessoa, (geralmente membros da família) de trás para frente, por exemplo, meu nome Cesar Borella: a,l,l,e,r,o,b – r,a,s,e,c.

        Você mesmo pode criar seus jogos mentais, mas lembre-se de que eles não podem ser muito fáceis, pois a intenção é que eles sejam capazes de ocupar toda a sua atenção.

Meu local seguro

     É uma técnica bastante conhecida. Pense em um lugar que para você é relaxante e confortável, pode ser um lugar real no qual você já esteve ou então um lugar criando pela sua imaginação. Crie na sua mente todos os detalhes que você considera relaxante e confortável. O seu local pode ser: Uma cabana, praia, caverna, castelo ou qualquer outro que quiser. A única regra é que ele seja rico em detalhes:

  • O vento
  • A cor do sol e do céu
  • A textura do tapete, esteira ou sofá que você se encontra
  • Cheiros
  • Sons
  • Esse é um lugar só seu, e só entra quem você deixar. Toda vez que se sentir ansioso (a), com medo ou com qualquer sensação ruim volte para o seu local seguro.

Técnica de respiração profunda

  1. Coloque as mãos sobre o abdômen
  2. Expire todo o ar dos seus pulmões, comprima o abdômen para que o ar vá para a parte superior dos pulmões.
  3. Inspire profundamente dirigindo o ar até a parte inferior do abdômen, sua barriga deve estufar como se estivesse se enchendo de ar.
  4. Repita essa operação lentamente umas dez vezes

respiração e relaxamento psicológico

Contração e relaxamento

Contraia completamente e com toda a força os músculos do rosto, como se fosse virar o Hulk (sou um nerd, não consigo pensar em uma explicação melhor…), segure essa tensão por alguns estantes e depois relaxe completamente os músculos do rosto. Repita esse procedimento com outras partes do corpo: pescoço, ombros…

Alongamento e relaxamento

alongamento e relaxamento

Os exercícios de alongamento e relaxamento corporal indicados nas empresas também são ótimos para aliviar sintomas relacionados ao stress, ansiedadedepressão:

 

Espero que tenham gostado!